EDITORIAL RPS XIV

Bem-vindos ao décimo quarto número da Revista de Pedagogia Social (RPS-UFF), da Universidade Federal Fluminense, CAMINHOS INVESTIGATIVOS: cartografias pedagógico-sociais.

Temos como principal objetivo ampliar e divulgar o conhecimento teórico-prático produzido acerca da Pedagogia Social, construída no Brasil e no mundo; o volume XIV será inteiramente dedicado ao trabalho realizados na Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, por intermédio do Grupo de Ensino, Pesquisa e Extensão em Formação Inicial e Permanente de Educadores de Crianças e Jovens em Situação de Vulnerabilidades: Pedagogia Social Para o Século XXI (Projeto PIPAS-UFF).

CAMINHOS INVESTIGATIVOS: cartografias pedagógico-sociais, porque o presente número contará com reflexões, teórico-práticas, sobre o encontro com a Pedagogia Social de cada integrante do Projeto PIPAS-UFF; assim como suas frentes de trabalho, pesquisa e produções. Abordará ainda, uma perspectiva histórica da concepção, fundação e execução do Projeto. Incluirá ainda uma agenda de trabalho para a atual década, marcada por Políticas Públicas de Educação Social e Direitos Humanos.

A Revista de Pedagogia Social da UFF de número XIV (RPS-UFF XIV) constitui-se em um projeto de partilha intelectual, ao abordar os processos constituidores e constituintes de um saber-fazer em Pedagogia Social. Um legado e uma herança; uma esperança e uma transcendência. Representa um caminho investigativo, que aponta para a construção de práticas de pesquisa, dialógicas, éticas e solidárias: a serviço da vida e em prol da humanidade.

É com alegria que entregamos à comunidade, um acervo de histórias e memória do Grupo de pesquisa que, há duas décadas sonha e realiza uma pedagogia que TOCA ALMAS, transforma vidas, instaura pactos e estabelece poder: Uma Pedagogia humana, simples e, por isso, revolucionária. Uma pedagogia semente, fruto do cuidado e do cultivo intelectual e pedagógico: a Pedagogia Social da Universidade Federal Fluminense.

Em contextos de emergências nos movemos, nos constituímos e nos formamos. Trabalhamos com a Educação dos Sentimentos, para a cultura da PAZ. Espalhar o Bom, o Belo e o Bem, por onde vamos, é a nossa meta. Damos à luz a uma inspiração por meio da qual nossa humanidade é exercida, nossa intelectualidade traduzida e, nosso compromisso político-social se realiza. Nesse fazer pedagógico humanizamos e resgatamos a nossa humanidade, no exercício de uma ciência rigorosa a nos moldar nas práxis do servir, do conviver, do compreender e do devir.

Ótima leitura! 

Margareth Martins de Araújo

Editora Executiva        

Publicado: 2022-06-19